Governo de SP lança consulta pública para o Plano de Turismo Ferroviário

Date:

Share post:

O Plano Estadual de Turismo Ferroviário é um esforço de três secretarias: Turismo, Transportes Metropolitanos e Cultura, Economia e Indústria Criativas

A Secretaria de Turismo e Viagens de São Paulo (Setur-SP) abriu na quinta-feira (30) uma audiência pública virtual para ouvir a sociedade e coletar contribuições para o Plano de Turismo Ferroviário do Estado de SP. O objetivo da consulta é mapear as oportunidades de desenvolvimento do setor e enfrentar os principais desafios dos empreendedores com a missão de traçar as diretrizes para a produção de uma política de estado de fomento ao turismo ferroviário.

A construção do Plano Estadual de Turismo Ferroviário é um esforço de três secretarias de Estado: Turismo de São Paulo, Transportes Metropolitanos e Cultura, Economia e Indústria Criativas, além de autoridades municipais e organizações ligadas ao setor.

Um dos objetivos da política pública é estimular a retomada de um modal de grande apelo para o turismo, acrescentando pelo menos 10 trens turísticos à malha ferroviária de SP, em trechos como Cruzeiro-Passa-Quatro (MG), Boituva-Laranjal Paulista, Tambaú-Ribeirão Preto, entre outros.

O documento provisório ainda aguarda as contribuições da sociedade, mas já inclui um mapeamento das ferrovias e dos destinos turísticos de potencial, metas de curto, médio e longo prazos.

“Com algumas adequações, podemos usar a mesma estrutura do transporte de carga para levar passageiros para os principais destinos do nosso estado. Atualmente temos apenas 300 km sendo usados para o turismo, mas esse número pode aumentar”, afirmou o secretário Roberto de Lucena, de Turismo e Viagens de SP. Abaixo, alguns passeios de turismo ferroviário por SP:

Expresso Turístico CPTM

Promove passeios que saem da Estação da Luz, no centro de São Paulo, para Jundiaí, Paranapiacaba ou Mogi das Cruzes. Os passeios são feitos em uma locomotiva a diesel, modelo Alco RS-3 de 1952 com duração de 1h30 de viagem.

Maria Fumaça de Campinas

A bordo de uma locomotiva de 1958, o visitante viaja pelos antigos trilhos da Companhia Mogiana de Estradas de Ferro com destino a Jaguariúna. São seis estações durante o trajeto e, ao chegar ao final, o trem faz uma pausa de 30 a 40 minutos – a viagem tem duração total de 3h30.

Trem Republicano

Trem Republicano parte das estações de Itu e Salto. A ferrovia, com apenas sete quilômetros de extensão, foi determinante para a escolha de Itu como o local da primeira Convenção Republicana do país.

Trem de Guararema

O Trem de Guararema é operado pela Regional Sul de Minas da ABPF na cidade de Guararema. O trem parte da estação central de Guararema, km 426 do Ramal de São Paulo da antiga Estrada de Ferro Central do Brasil, e segue em direção à estação Luís Carlos, localizada no km 433 da ferrovia, na vila de mesmo nome, totalizando 14 km de passeio (ida e volta).

Siga o canal “Governo de São Paulo” no WhatsApp:

https://bit.ly/govspnozap

O post Governo de SP lança consulta pública para o Plano de Turismo Ferroviário apareceu primeiro em Governo do Estado de São Paulo.

spot_img

Notícias relacionados

Educação como ferramenta de mudança: Investimentos no futuro dos mais pobres

A educação tem sido reconhecida globalmente como um dos pilares fundamentais para o combate à pobreza e a...

Teatro Goiânia recebe espetáculo “Entre memórias”

Sobre memórias e aprendizados, a apresentação de dança será às 19h30 O Teatro Goiânia, unidade da Secretaria de Estado...

Studio Y no Bloco do Carneiro

O Studio Y estará presente no Bloco do Carneiro, no Deck Mambo com sua tradicional ação de retoques...

Palavra Comunicação lança Videocast

As jornalistas Alessandra Câmara e Bia Tahan, da Palavra Comunicação, lançam nos próximos dias o Videocast: Com a...