22°C
Overcast clouds

Alison dos Santos brilha nas eliminatórias dos 400 m com barreiras

No primeiro dia de disputas das provas do atletismo no Estádio Olímpico de Tóquio, Alison dos Santos garantiu vaga nas semifinais dos 400 metros (m) com barreiras, nesta quinta-feira (29), ao terminar a primeira bateria das eliminatórias na segunda posição com o tempo de 48s42 (o 2º melhor tempo no geral).

CHEGOU CHEGANDO 🏃

Alison dos Santos @PiuzeR já mostrou ao que veio 💪 nos @JogosOlimpicos de #Tokyo2020

2o colocado com⏱️48s42 na eliminatória dos 400m c/ barreiras 🚧e classificação garantida ✔️para a semifinal

📸Jonne Roriz/COB pic.twitter.com/5xfr65GRS3

— Time Brasil (@timebrasil) July 30, 2021

O brasileiro ficou atrás apenas de Abderrahman Samba, do Catar, que venceu a sua bateria com 48s38. Agora Alison volta a entrar na pista apenas no próximo domingo (1), a partir das 9h05 (horário e Brasília).

“A nossa intenção era passar bem para a semifinal, não só em colocação, mas em tempo também. Era fazer uma corrida econômica, ser rápido, chegar bem e passar entre os dois primeiros da série para conseguir uma boa raia na semifinal, melhor posicionada para chegar na final”, declarou Alison, após a classificação, para o Comitê Olímpico do Brasil (COB).

Nas eliminatórias da mesma prova, Marcio Teles foi desclassificado após terminar a terceira bateria na 7ª posição.

3.000 m com obstáculos

Quem também deu adeus aos Jogos de Tóquio foi Altobeli Silva, que terminou a sua eliminatória nos 3.000 m com obstáculos na 9ª posição com o tempo de 8min29s17. Com isso, o atleta, que disputou medalha na Olimpíada de 2016 (Rio de Janeiro), ficou fora da final em Tóquio.

ATLETISMO NA ÁREA 🏃‍♂️

A modalidade mais clássica do programa olímpico começou em #Tokyo2020

E o Brasil já entrou na pista com Altobeli da Silva, nos
3000m c/ obstáculos 🚧

9a colocação para o 🇧🇷

⏱️8:29:17

📸Wander Roberto/ COB pic.twitter.com/1dq0SSqVJT

— Time Brasil (@timebrasil) July 30, 2021

Salto em altura

Outra prova na qual o Brasil viu seus representantes se despedirem dos Jogos de Tóquio foi o salto em altura. Thiago Moura e Fernando Ferreira pararam quando o sarrafo alcançou os 2,25 m.

SALTO EM ALTURA

Fernando Ferreira e Thiago Moura não avançaram para a final.

Os dois não ultrapassaram a marca de 2.25m

📸Wander Roberto/COB pic.twitter.com/tEY2f19NmG

— Time Brasil (@timebrasil) July 30, 2021

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp