28°C
Few clouds

Aprender Valor: Programa vai oferecer educação para o consumo a estudantes de escolas da rede pública

Escolas de Ensino Fundamental da rede pública já podem aderir ao programa Aprender Valor para o ano letivo de 2022. O projeto, que leva educação financeira às salas de aula, foi desenvolvido pelo Banco Central do Brasil e conta com o financiamento do Fundo de Defesa de Direitos Difusos (FDD), do Ministério da Justiça e Segurança Pública.

A cerimônia de lançamento das adesões aconteceu na manhã dessa quarta-feira (10/11) e integra a 8ª Semana Nacional de Educação Financeira (Semana ENEF), que acontece de 8 a 14 de novembro. Durante a cerimônia, também foram premiadas as redes de ensino e escolas que se destacaram na fase-piloto do projeto.

A promoção do projeto representa o compromisso do governo brasileiro com implementação das melhores práticas e políticas em educação financeira, proteção do consumidor e prevenção ao superendividamento.

Para a secretária Nacional do Consumidor, Juliana Domingues, a educação para o consumo é fundamental para começarmos a mudar uma cultura que leva consumidores a situações de superendividamento. “Esse projeto representa um compromisso do Governo Federal para implementação de melhores práticas e políticas públicas em educação financeira, trabalhando vários eixos que estão na agenda prioritária do Ministério da Justiça e Segurança Pública. A ausência dessas noções básicas pode levar famílias inteiras a desequilíbrios e sofrimentos que ultrapassam as questões econômicas. Portanto, educar crianças é um caminho para a construção de adultos melhores”, frisou.

 

Com informações do Ministério da Justiça e Segurança Pública

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp