21°C
Scattered clouds

Atividades legislativas e administrativas da Alego estão suspensas por mais quatorze dias

De acordo com a nota emitida pela Diretoria de Gestão de Pessoas, a decisão foi tomada considerando também as regras de contingência no combate à covid-19

A Diretoria de Gestão de Pessoas da Assembleia Legislativa publicou neste domingo, 14, nova portaria, onde acata as determinações da Prefeitura de Goiânia que prorroga por mais 14 dias, a contar desta segunda-feira, 15, suas atividades legislativas e administrativas. Esta decisão decorre do atual cenário da pandemia de covid-19, com o agravamento na ocupação de Unidades de Terapias Intensivas (UTIs). Com isso, a Mesa Diretora da Assembleia Legislativa de Goiás (Alego) decidiu pela prorrogação de todas as atividades presenciais.

De acordo com a nota emitida pela Diretoria de Gestão de Pessoas, a decisão foi tomada considerando também as regras de contingência no combate à covid-19 ainda vigentes na região Metropolitana de Goiânia. 

Conforme o documento, fica determinado a prorrogação do período de suspensão de todas as atividades legislativas, nelas incluídas sessões plenárias e reunião das comissões, sejam remotas ou híbridas, bem como as administrativas, por sete dias, com exceção daquelas consideradas essenciais para a garantia da continuidade da prestação do serviço público, que serão definidas pelo secretário-geral da Presidência.

Conforme explica a nota divulgada neste domingo, 14, pela Diretoria de Gestão de Pessoas, o presidente da Casa, deputado Lissauer Vieira (PSB), poderá convocar sessões extraordinárias, pelo sistema de deliberação remota (SDR), caso necessário, e para a realização das atividades, determinadas como essenciais, poderá ser estabelecido um quantitativo mínimo de trabalho presencial, convocando os servidores para esse fim. A nota esclarece também que está mantido o regime de teletrabalho.

Seguem suspensos os prazos nos processos administrativos, legislativos e de controle, inclusive nas Comissões Parlamentares de Inquérito (CPIs), exceto nos procedimentos licitatórios, cujos prazos correrão normalmente.

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp