28°C
Scattered clouds

Blitz educativa promove conscientização no Dia Mundial do Meio Ambiente

Em comemoração ao dia mundial do Meio Ambiente, a Prefeitura de Aparecida através da Secretaria do Meio Ambiente promoveu na manhã dessa quarta-feira, 05, uma blitz educativa. A ação teve como o objetivo de conscientizar os motoristas e pedestres que passaram pela Avenida Rudá no setor Vila Brasília a importância dos cuidados com a natureza. Foram entregues kits com panfletos, sacos de lixo para carros e aproveitando a ocasião, os agentes divulgaram o disk denúncia para crimes de poluição sonora.

A intenção da gestão é que, antes de punir o cidadão, seja feita uma reflexão sobre a necessidade de preservação e conservação do meio ambiente. “A natureza pede socorro. E o intuito da blitz é trazer essa consciência para as pessoas, pois é preciso preservar o que ainda existe. Além das blitzen educativas, faremos sinalização com placas espalhadas pela cidade, além de projetos de reestruturação dos parques da cidade e revitalização de algumas nascentes como a do córrego pipa”, destacou o secretário do Meio Ambiente Claudio Everson que distribuiu os kits aos motoristas que passavam pela avenida.

A blitz teve o apoio da Secretaria Executiva de Mobilidade de Aparecida de Goiânia. “Nós como agentes de trânsito temos o papel fundamental de auxiliar para que o trânsito flua bem durante as blitzen. Estamos aqui para garantir que haja segurança tanto para os agendes da SEMMA quanto todos os envolvidos na ação”, compartilhou o agente de trânsito Fábio Oliveira. O vereador Claudio Nascimento, que também participou da ação, destacou a importância da população voltar os olhos para o meio ambiente. “As pessoas precisam ter consciência que cada um fazendo a sua parte já contribui para tornar o ambiente cada vez melhor”, pontuou.

Além de chamar a atenção para o meio ambiente, a SEMMA aproveitou a ocasião para enfatizar o disk denúncia para crimes de poluição sonora. O plantão da SEMMA funciona 24 horas por dia e o cidadão pode realizar a denúncia pelo WhatsApp 98459-1661 ou diretamente pelo telefone 3545-5866. A multa no caso das infrações pode variar de R$ 500,00 a R$ 50.000.000,00 dependendo da reincidência e intensidade da perturbação, e ainda apreensão do veículo.

De acordo com o secretário, o proprietário da residência ou estabelecimento comercial que for constatada a infração também poderá ser notificado e multado. “Qualquer tipo de perturbação do sossego público constitui uma infração ambiental. E todo som que estiver além do permitido pela legislação, terá as penalidades previstas na lei, ou seja, a aplicação de multa e a apreensão do veículo”, ressaltou Claudio.

Fonte: Ruslayra Peixoto

Foto: Ênio Medeiros

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp