24°C
Overcast clouds

Caixa libera mais um pagamento do auxílio emergencial

Maio um depósito no valor de R$ 600 do auxílio emergência foi feito pela Caixa Econômica nesta sexta-feira,14. De acordo com a data em que tiveram o cadastro aprovado, aniversariantes de agosto recebem via poupança digital a 4ª, a 3ª, a 2ª ou a 1ª parcela,

O pagamento de hoje também é valido para os nascidos em agosto que entraram no novo calendário em razão de uma das seguintes situações;

– Quem contestou a negativa do auxílio entre 24 de abril e 19 de junho e teve o cadastro aprovado recentemente

– Quem já tinha recebido parcelas do auxílio, mas teve o pagamento bloqueado em julho após reanálise cadastral

Os beneficiários que recebem o depósito de uma nova parcela hoje só podem movimentar a poupança pelo aplicativo Caixa Tem (disponível para Android e iOS), que permite pagamento de contas e boletos e compras por meio de cartão virtual. Saques e transferências serão liberados a partir de 1º de setembro para esse grupo.

Veja a seguir os diferentes cronogramas de pagamento e detalhes de como acessar o auxílio emergencial. Novos pagamentos da 4ª, 3ª, 2ª e 1ª parcela

Estes pagamentos valem para quem se inscreveu pelo aplicativo ou site, ou que já estava no Cadastro Único mas não é beneficiário do Bolsa Família.

A parcela depende de quando o cadastro foi aprovado pelo governo, de acordo com o seguinte critério:

1ª parcela: quem teve o cadastro aprovado em julho e não recebeu nenhum pagamento

1ª parcela: quem contestou o cadastro entre 24 de abril e 19 de junho e foi aprovado depois disso

2ª parcela: quem começou a receber o auxílio entre o final de junho e o começo de julho

3ª parcela: quem começou a receber o auxílio em maio

4ª parcela: quem começou a receber o auxílio em abril

A partir deste mês, a Caixa também retomou os pagamentos para quem já havia recebido alguma parcela, teve o cadastro bloqueado em julho, e agora está desbloqueado. Esse grupo pode receber a 3ª ou a 4ª parcela.

No início de julho, a Caixa mudou a forma de realizar os pagamentos. Antes, cada grupo de aprovados tinha um calendário próprio. Agora, todos os aprovados (menos os do Bolsa Família) recebem juntos conforme o mês de nascimento, no que a Caixa chama de ciclos de pagamento.

Não importa em qual etapa o beneficiário esteja, ele deve receber um pagamento por ciclo até ter completado cinco parcelas, que é o que todo aprovado tem direito.

Fonte: Caixa Econômica Federal

Foto: Divulgação 

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp