25°C
Scattered clouds

Casos de Covid-19 suspende jogo entre Goiás X SP

A partida deste domingo,09,  entre Goiás e São Paulo, marcada para as 16h (de Brasília), no estádio Hailé Pinheiro, em Goiânia, pela primeira rodada do Campeonato Brasileiro, foi suspensa depois de casos de covid-19 no elenco esmeraldino. O clube mandante entrou com pedido para adiar a partida no Superior Tribunal de Justiça Desportiva e, posteriormente, a Confederação Brasileira de Futebol confirmou que o confronto não seria realizado neste domingo.

Inicialmente, a informação era de que dez jogadores do elenco do Goiás testaram positivo, sendo que oito deles seriam titulares contra o São Paulo. Depois da partida, houve a confirmação de que a contraprova apontava nove atletas com covid-19. Assim, a diretoria esmeraldina explicou o pedido para não entrar em campo neste domingo.

Durante entrevista, o presidente do Goiás, Marcelo Almeida confirmou os casos. “O respaldo é muito simples. Dez dos 23 atletas que estavam concentrados testaram positivo. Infelizmente, recebemos esses resultados apenas no dia de hoje. Todos os jogadores positivos estavam concentrados. Recebemos essa notícia hoje pela manhã. Diante disso, preferimos agir com coerência, pedimos para que o jogo fosse adiado”, disse Marcelo.

Em nota oficial o Goiás, informou que “antes do jogo contra o São Paulo, foi feita uma nova rodada de exames. Só que, ao contrário das vezes anteriores, desta vez a coleta foi realizada por um laboratório escolhido pela CBF. Os exames feitos na última quinta-feira foram invalidados pela CBF. A alegação é de que as amostras foram acondicionadas de maneira inapropriada. A CBF então pediu uma nova coleta ao laboratório, e os exames foram realizados na sexta-feira. A apresentação dos resultados deveria ter sido feita no mínimo com 24h de antecedência da partida, prazo este que não foi cumprido. Os resultados só ficaram disponíveis para o Goiás Esporte Clube na manhã deste domingo, dia do jogo. De 26 testes realizados pela CBF, 10 contaminados, sendo 8 jogadores da equipe titular. Para agravar mais a situação, os contaminados estavam concentrados, dormindo dois atletas por quarto” e que diante dos fatos já havia solicitado a CBF o cancelamento da partida.

Fonte: Gazeta Esportiva

Foto: @goiasoficial 

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp