25°C
Overcast clouds

Com shoppings fechados, Goiânia terá cinema drive-in

Como as salas de cinema funcionam dentro dos shoppings de Goiânia, que estão fechados por conta da pandemia do coronavírus, os goianienses já podem se preparar para continuar por dentro dos lançamentos da sétima arte. É que um grupo de empresários está escolhendo uma área na capital para instalar um cinema drive-in, que já tem até nome, vai se chamar Drive Gyn – o Cine Drive-In de Goiânia.

Em tempos de isolamento social, outras cidades como Brasília já adotaram o cinema drive-in, que pode ser uma opção de lazer onde as pessoas ficam no carro, sem contado umas com as outras, sem risco de contaminação e aproveitam um filme ao ar livre em tela de alta projeção e transmissão FM estéreo no próprio som do veículo.

Em Goiânia o cinema drive-in, será inaugurado no Dia dos Namorados (12 de junho) para aquecer os corações mais apaixonados, com sessão às 18 hs, e as demais também começaram a partir desse horário.

Ainda como um maneira de poiar a produção áudio visual goiana, o público vai poder conferir curtas regionais antes da exibição das principais atrações.

Em respeito ao decreto do Governo Estadual para evitar aglomerações, os ingressos serão vendidos pela internet e as entradas liberadas no local por QR Code no celular. Mas não para por aí. Filme sem pipoca não dá né? Então que tal comprar sua pipoca sem sair do carro? Isso mesmo, será o primeiro drive-thru de pipoca do mundo. É só passar com o carro, pegar, pagar e aproveitar o filme.

Os preços dos ingressos ainda estão sendo definidos e o local está sendo guardado pelos organizadores a sete chaves, mas eles prometem revelar nos próximos dias.

Uma grande invenção

O primeiro drive-in nasceu em 1933, em Nova Jersey, idealizado por Richard Hollingshead, que tinha uma conexão com carros: seu pai era empresário do ramo automotivo. A mãe era obesa e não se sentia confortável em cinemas comuns. … O formato se popularizou pelos EUA, chegando a mais de 4 000 cinemas do tipo nos anos  40,50 e 60 em países como Alemanha, Canadá, França e muito mais.

Sem dúvida foi Um grande negócio para as produtoras e inclusive para as cadeias de fast-food. Isso porque para os cine drive-in iriam as pessoas vestindo pijama e com o cobertor preparado, dispostas a comer um cachorro quente ou a namorar, como fica evidente em cenas clássicas de filmes como “Grease – Nos Tempos da Brilhantina” (1978) ou “De Volta para o Futuro III” (1990).

Parte das informações com curtamais.com.br  

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp