23°C
Clear sky

Deputados analisam MP que autoriza crédito para adesão do Brasil a consórcio de vacinas

O Plenário da Câmara dos Deputados analisa agora a Medida Provisória 1004/20, que abre crédito extraordinário de R$ 2,5 bilhões para a participação do Brasil no consórcio internacional de vacinas Covax Facility, conduzido pela Organização Mundial de Saúde (OMS) e outras entidades.

A adesão do País ao consórcio foi viabilizada pela MP 1003/20, que aguarda sanção presidencial. Até o fim do primeiro semestre, o Brasil deve receber 10,6 milhões de doses.

O relator da MP, deputado Evair Vieira de Melo (PP-ES), apresentou parecer favorável à matéria, em nome da Comissão Mista de Orçamento. O crédito extraordinário é necessário para assegurar o acesso do Brasil a vacinas contra a Covid-19, justificou.

Não foram apresentadas emendas à MP. O relator recomendou a aprovação do texto apresentado pelo Poder Executivo. – Câmara dos Deputados – YWD 987681

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp