28°C
Few clouds

Di Grassi ganha em Berlim e sonha com título da temporada da Fórmula E

O piloto brasileiro Lucas Di Grassi (Audi Sport Abt Schaeffler) venceu a 14ª e penúltima etapa do Campeonato Mundial da Fórmula E na manhã deste sábado (14), em prova disputada no aeroporto de Templehof, em Berlim. O brasileiro largou em terceiro e, depois de fazer uma corrida estratégica, cruzou a linha de chegada apenas 0s141 à frente do suíço Edoardo Mortara, da equipe Venturi Racing.

Victory in Berlin.

>> https://t.co/ktQ0jleme7#FutureIsAnAttitude #BerlinEPrix pic.twitter.com/9E9G4jWhnu

— Audi Sport (@audisport) August 14, 2021

Com a conquista, o piloto saiu do 14º para o 6º lugar na classificação, a apenas oito pontos do líder Nyck De Vries (Mercedes). Ainda estão em disputa 30 pontos na corrida final deste domingo (15). A largada será às 10h30 (de Brasília).

Esta foi a 12ª vitória e 35º pódio da carreira de Lucas na categoria de carros elétricos. “Perdemos uma vitória importante em Roma e depois tivemos aquela vitória que também perdemos em Londres. Por isso vencer a corrida aqui em Berlim significa muito para mim e também para a Audi”, destacou à assessoria de imprensa o piloto Di Grassi, lembrando que a Alemanha é a terra natal da fabricante. O corredor já contabilizava uma vitória em 2021, no México. “Agora nós vamos para a cartada final, amanhã, na última corrida do ano, com chances de terminar entre os primeiros. Nosso carro está bom, então a equipe se mantém confiante”, completou o brasileiro.

Until tomorrow, Tempelhof ⚡️

Round 14 did not disappoint! It was a front-row lockout for @DSTECHEETAH in Berlin but could they turn it into a victory ahead of tomorrow’s championship decider? ????

Find out now in your 60 SECOND HIGHLIGHTS ⤵️????????

— ABB FIA Formula E World Championship (@FIAFormulaE) August 14, 2021

O atual líder da temporada é o holandês Nyck De Vries (Mercedes), com 95 pontos. O suíço Edoardo Mortara (Venturi Racing) vem logo atrás com 92; o inglês Jake Dennis (BMW) tem 91; Mitch Evans (Jaguar), da Nova Zelândia, tem 90. Robin Frijns (Envision Virgin Racing), da Holanda, aparece em 5º com 89 e o brasileiro Lucas Di Grassi (Audi Sport Abt Schaeffler) é o 6º, com 87 pontos.

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp