21°C
Scattered clouds

Ecad: rock, samba e sertanejo são gêneros mais tocados no Dia dos Pais

Rock, samba e sertanejo são os gêneros de músicas mais tocados no Dia dos Pais, de acordo com levantamento do Escritório Central de Arrecadação e Distribuição (Ecad).

Com base em seu banco de dados, considerado um dos maiores da América Latina em termos de arquivos musicais, o Ecad apurou que é grande a diversidade no país na relação das canções mais tocadas nos últimos cinco anos na data festiva, com a palavra “pai” no título.

Pais e filhos, de autoria de Marcelo Bonfá, Renato Russo e Dado Villa-Lobos, foi lançada há 32 anos no álbum As quatros estações e é até hoje um dos grandes sucessos da banda de rock brasileira Legião Urbana. A música ficou em primeiro lugar no ranking elaborado pelo Ecad.

Já o samba Coisinha do pai, de autoria de Luiz Carlos, Jorge Aragão e Almir Guineto, lançado há mais de 40 anos na interpretação de Beth Carvalho, ocupou a segunda colocação. O terceiro posto foi da música sertaneja Fé no pai‘, de autoria de Gabriel Agra e Zé André, gravada pelo cantor Lucas Lucco, em 2017.

O levantamento considerou os segmentos de rádio, casas de festas e diversão, música ao vivo, festa junina, sonorização ambiental, ‘show’ e carnaval..

Estão listadas ainda entre as 20 mais tocadas, as músicas: Escondido dos seus pais; Pai da pinga; Abana que papai tá mal; Como nossos pais; Em nome do pai, do filho e dos santos, a Vila canta a cidade de Pedro; Casa do pai; Pai nosso; Assim você mata o papai; Chefe é chefe né, pai; No colinho do painho; Ó meu pai, me dê o pão que eu não morro de fome; Tudo é do pai; Cabô meu pai; Fala pro papai; Pedido de um pai; Hu papai chegou; Meu velho pai.

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp