31°C
Overcast clouds

Eliton e Marcelo Baiocchi discutem decreto sobre diferencial de alíquota

Mudanças no decreto sobre o diferencial de alíquotas, o Difal, foram pauta de reunião realizada hoje (25/6) entre o governador José Eliton e o presidente da Fecomércio-GO, Marcelo Baiocchi. Estavam presentes também o ex-governador Marconi Perilo, o secretário Manoel Xavier (Sefaz) e a ex-secretária Raquel Teixeira.

Baiocchi destacou que o encontro já resulta em pontos a serem comemorados pela Federação. “Já saímos com a promessa que o Difal não alcançará o setor calçadista”, disse o presidente ao destacar que essa foi uma das demandas apresentadas. Em vigor desde maio, a parcela do ICMS relativa ao Diferencial de Alíquota (Difal) para contribuintes do Simples Nacional calculada sobre produtos com origem de fora do estado já não é aplicada para franquias e confecções de tecidos e aviamentos. “Estamos caminhando para uma parceria cada vez mais forte com o governo do Estado”, completou.

Marconi Perillo destacou o diálogo mantido em seus governos com o setor produtivo empresarial. “Eu nunca ouvi durante esse tempo todo que fui governador algum líder empresarial gritando, fazendo discurso pra platéia, populista contra o governo”, disse. “O governador José Eliton não vai fazer discurso demagógico para agradar platéia, dizendo que vai fazer ‘isso e aquilo’. Ele e eu somos adeptos a prática da conversa, do diálogo e é isso que deve permanecer”, enfatizou o ex-governador.

Ao destacar o foco no equilíbrio das contas públicas, o governador José Eliton citou avanços importantes no setor de empresarial e disse que analisará com bastante atenção os pedidos apresentados. “A convergência, o diálogo e o respeito é o melhor caminho para encontrarmos soluções para os problemas que se apresentam”, afirmou.

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp