33°C
Clear sky

Espaços culturais se preparam para a celebração do centenário da Semana de Arte Moderna

O centenário da Semana de Arte Moderna será celebrado em 2022, mas os espaços culturais já têm o tema presente em sua programação. Os museus Casa Guilherme de Almeida e Casa Mário de Andrade, bem como as Oficinas Culturais, equipamentos da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo do Estado de São Paulo e gerenciados pela Poiesis, promovem atividades on-line gratuitas dedicadas à manifestação cultural que marcou o início do modernismo no Brasil.

Para Augusto de Campos, a Antropofagia é “a única filosofia original brasileira”; para Oswald de Andrade, é o movimento que “salvou o sentido do Modernismo”. O minicurso Da fome de Brasil: antropofagia e modernismo é um “banquete antropofágico” sobre os sentidos de brasilidade que a Semana de Arte Moderna comprou e que o Movimento e o Manifesto de 1928 colocaram à mesa. As aulas serão transmitidas às segundas-feiras, nos dias 13, 20 e 27 de setembro e 4, 18 e 25 de outubro, das 19h às 21h. As inscrições devem ser feitas neste link até o dia 9 de setembro.

A palestra A culinária e a música na sala de Mário de Andrade pretende revelar o sentido da culinária e da música como importantes estímulos sensoriais nas antigas recepções promovidas pelo autor na sala de sua residência. A atividade, que integra a programação da Jornada do Patrimônio 2021, será realizada pelo Zoom no dia 11 de setembro, das 16h30 às 18h30. As inscrições devem ser feitas aqui até o dia do evento.

Tendo como contexto o movimento da Semana de Arte Moderna de 1922, cada participante da oficina Dramaturgia e escrita literária – O documento como matéria de criação: Fantasmas da Semana de 22 irá desenvolver um texto a partir de documentos da época, que serão apresentados e discutidos ao longo dos encontros. Estes textos serão compartilhados com o público em um formato a ser definido. Pelo Zoom, os encontros acontecerão às segundas-feiras de 20 de setembro a 25 de outubro, das 17h às 19h. Para participar, é necessário se inscrever neste link até o dia 15 de setembro.

O livro “A Arte de Devorar o Mundo: Aventuras gastronômicas de Oswald de Andrade” faz um recorte culinário da biografia e obra do principal autor antropófago que embalou o modernismo brasileiro nos anos 20. Uma abordagem que leva o leitor a saborear as aventuras gastronômicas de Oswald e sentir o cheiro do banquete artístico modernista da década de 1920. O lançamento do livro, mediado por Thiago Saraiva, superintendente do Programa Oficinas Culturais, contará com a presença do autor Rudá K. Andrade e da escritora e historiadora Márcia Camargos. Para participar do evento, os interessados deverão se inscrever neste link até o dia 29 de setembro.

Em outubro, outras duas atividades integram o ciclo de lançamento do livro de Rudá. No dia 15 de outubro, sexta-feira, às 18h, o autor conversará com Vivian Aguiar pela plataforma Zoom. As inscrições estão disponíveis até o dia 13 de outubro neste link. No terceiro e último encontro do ciclo, a convidada é a pesquisadora gastronômica Flávia Couto, que irá falar sobre culinária e antropofagia. O bate-papo acontecerá dia 28 de outubro, quinta-feira , às 17h com transmissão aberta pelo Instagram das Oficinas Culturais.

As atividades integram a programação do Modernismo Hoje, conjunto de ações da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo de São Paulo para celebrar o centenário da Semana de Arte Moderna de 1922.

O post Espaços culturais se preparam para a celebração do centenário da Semana de Arte Moderna apareceu primeiro em Governo do Estado de São Paulo.

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp