22°C
Clear sky

Governo de SP anuncia vacinação para gestantes e puérperas sem comorbidades

O Governador João Doria anunciou nesta sexta-feira (4) o início da vacinação de cerca de 400 mil gestantes e puérperas que residem no Estado e não possuem comorbidades a partir da próxima semana.

Veja também
Site Vacina Já faz pré-cadastro da imunização contra COVID-19
Guia de prevenção sobre o novo coronavírus
As medidas adotadas pelo Governo de SP para o combate ao coronavírus

“Na próxima segunda-feira, na capital, em São Bernardo do Campo e em Campinas, iniciaremos a vacinação de gestantes e puérperas. E a partir de quinta, dia 10, em todos os demais municípios do estado de São Paulo, de maneira a planejar e organizar a vacinação com a vacina correta. Ou seja, as vacinas da Pfizer e a do Butantan, que são as duas que a medicina recomenda e aprova para gestantes e puérperas”, anunciou Doria.

A partir da segunda (7), a Prefeitura de São Paulo começa a imunizar grávidas e mulheres que deram à luz nos últimos 45 dias residentes na capital. O mesmo cronograma está previsto para os municípios de Campinas e São Bernardo do Campo, onde profissionais de saúde já passaram pelo treinamento para aplicação das vacinas da Pfizer. O Ministério da Saúde entregou cerca de 150 mil doses desse imunizante ao Governo de São Paulo.

“Nós já trabalhamos com gestantes com comorbidades e agora estamos abrindo essas faixas para as sem comorbidades. Então em torno de 400 mil gestantes e puérperas receberão a vacina”, completou a Coordenadora Geral do Plano Estadual de Imunização, Regiane de Paula.

As grávidas em qualquer período gestacional deverão apresentar relatório ou laudo médico com indicação do profissional para tomar a vacina. As puérperas podem apresentar certidão de nascimento da criança.

A partir da próxima quinta (10), todos os 645 municípios de São Paulo devem passar a vacinar as grávidas com vacinas do Butantan e da Pfizer, esta última após treinamento pela farmacêutica. O uso do imunizante da Fiocruz/Astrazeneca para grávidas e puérperas está suspenso desde maio por orientação do Ministério da Saúde e da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária).

O post Governo de SP anuncia vacinação para gestantes e puérperas sem comorbidades apareceu primeiro em Governo do Estado de São Paulo.

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp