27°C
Clear sky

Governo de SP encerra missão empresarial em NY e anuncia agenda na China em março

O Governador João Doria fez um balanço positivo no encerramento da missão empresarial em Nova York neste sábado (4) e anunciou uma agenda similar na China em março de 2022. O objetivo prioritário é atrair novos investimentos privados para São Paulo e parceiros para o plano de desestatizações e concessões estaduais.

“Tivemos 26 empresários participantes nesta missão em Nova York. No ano que vem, teremos outras três. Em março, na China, onde já temos escritório, depois em maio novamente estaremos em Nova York e, em julho, vamos a um roadshow pela Europa passando por Alemanha, França e Espanha”, anunciou Doria.

“Ao longo destes três anos, a geração de negócios internacionais soma US$ 4,25 bilhões capitaneados pela desestatização, PPPs [Parcerias Público-Privadas] e concessões, além de investimentos privados diretos”, acrescentou. Até 2024, a perspectiva do Governo de São Paulo é atrair outros US$ 6 bilhões com desestatizações.

Autoridades estaduais e empresários brasileiros participaram de 14 reuniões com investidores e executivos norte-americanos nos últimos dias. A iniciativa estreitou o intercâmbio entre o empreendedorismo paulista e o mercado dos EUA e expandiu a internacionalização da economia estadual.

Para o Secretário de Fazenda e Planejamento Henrique Meirelles, a agenda em Nova York foi decisiva para alinhar os interesses econômicos de São Paulo a novas oportunidades internacionais.

“Nós tivemos um retorno muito importante dos grandes fundos de investimentos e investidores em geral em relação ao estado. Em São Paulo eles veem setores muito atrativos e que estão crescendo muito, como o de tecnologia e comunicações”, disse Meirelles.

Durante a missão, o Governo do Estado inaugurou um escritório comercial na América do Norte. A operação da nova representação começa na próxima segunda-feira (4), sob responsabilidade da InvestSP, a Agência Paulista de Promoção de Investimentos e Competitividade.

O Governo de São Paulo também conta com operações em Xangai (China), Dubai (Emirados Árabes Unidos) e Munique (Alemanha). Com a inclusão dos EUA, a rede estadual de apoio à internacionalização das empresas paulistas passa a cobrir praticamente o mundo todo, com atuação na América do Norte, Europa, Ásia, Oriente Médio e Norte da África.

O post Governo de SP encerra missão empresarial em NY e anuncia agenda na China em março apareceu primeiro em Governo do Estado de São Paulo.

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp