27°C
Scattered clouds

Incentivos da Sudene em 2020 alavancaram investimentos de R$ 9,8 bilhões

Os incentivos concedidos pela Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste (Sudene) a empresas da região alavancaram investimentos da ordem de R$ 9,8 bilhões em 2020. Os 258 pleitos aprovados atenderam companhias que atuam nos nove estados nordestinos e nas porções norte do Espírito Santo e de Minas Gerais.

Os principais instrumentos de estímulo ao desenvolvimento são a redução de 75% do valor do Imposto de Renda de Pessoa Jurídica (IRPJ) e adicionais não restituíveis e o reinvestimento de 30% do IRPJ devido. Esses benefícios propiciaram a criação e a manutenção de cerca de 113 mil postos de trabalho na área de atuação da Sudene apenas no ano passado.

Os incentivos e benefícios fiscais administrados pela Sudene integram o conjunto de recursos do Plano Regional de Desenvolvimento do Nordeste (PRDNE), com foco principal na redução das desigualdades econômicas e sociais, intra e inter-regionais, por meio da criação de oportunidades de desenvolvimento que resultem em crescimento econômico, geração de renda e melhoria da qualidade de vida da população.

Uma das empresas que tiveram acesso aos benefícios concedidos pela Sudene foi a Lorenpet Nordeste Indústria e Comércio de Plásticos. Instalada no Complexo Industrial e Portuário de Suape, em Ipojuca (PE), a companhia teve autorização para reduzir em 75% o valor devido do IRPJ para ampliar as instalações. Além do incremento na produção, foram gerados cerca de 100 novos postos de trabalho, segundo o diretor Marcelo Guerra.

Saiba mais sobre a isenção do IRPJ

Saiba mais sobre a redução de 75% do IRPJ

Saiba mais sobre o reinvestimento do valor do IRPJ

Com informações do Ministério do Desenvolvimento Regional

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp