17°C
Clear sky

Lei que incentiva a agricultura de precisão é sancionada pelo Executivo

Foi sancionada pelo governador a Lei Estadual nº 21.486 (originalmente projeto de lei nº 5707/19), de autoria do deputado Bruno Peixoto (UB), que estabelece a política de incentivo à agricultura de precisão. A medida visa aumentar a produtividade, a lucratividade e garantir a sustentabilidade ambiental em Goiás.
Bruno defende que essa política proporcionará a adaptação da agricultura às novas realidades da mudança climática e das limitações ambientais com soluções técnicas de baixo custo, colheitas programáveis, variedades de plantas resistentes à seca, índices de produtividade previsíveis e estoques administráveis e seguros.“É mais do que necessário tomarmos medidas de incentivos às novas tecnologias para que possam estar à disposição dos agricultores. Assim, a agricultura de precisão é uma plataforma tecnológica fundamental para garantir a produtividade da agricultura de Goiás, dando maior eficiência ao processo produtivo, viabilizando a permanência do agricultor no meio rural”, assegura o legislador.
O parlamentar justifica a propositura ao afirmar que, “a criação de uma política de incentivo à agricultura de precisão tem por objetivo nortear a implementação de ações que possibilitem a ampliação da utilização das tecnologias disponíveis em prol dos produtores rurais, possibilitando a aplicação de recursos e insumos com maior precisão, diminuindo o desperdício, aumentando a produtividade e consequentemente a lucratividade, priorizando os empreendimentos familiares rurais”. 

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp