29°C
Overcast clouds

Número de investidores ativos no Tesouro Direto cresce em julho

Em julho de 2021, o total de investidores ativos no Tesouro Direto, aqueles que atualmente estão com saldo em aplicações no programa, atingiu a marca de 1.597.402 pessoas, um aumento de 38.755 investidores no mês. Já o número de investidores cadastrados no programa aumentou em 454.524, crescimento de 53,58% em relação a julho de 2020, atingindo a marca de 11.949.797 pessoas.

No mês de julho de 2021, foram realizadas 460.070 operações de investimento em títulos do Tesouro Direto, no valor total de R$ 2,46 bilhões. Durante esse mês, os resgates foram de R$ 1,53 bilhão, resultando em emissão líquida de R$ 934,1 milhões.

As aplicações de até R$ 1 mil representaram 65,95% das operações de investimento no mês. O valor médio por operação foi de R$ 5.347,38.

O título mais demandado pelos investidores foi o indexado à taxa Selic (Tesouro Selic) que totalizou, em vendas, R$ 1,10 bilhão e correspondeu a 44,81% do total. Os títulos indexados à inflação (Tesouro IPCA+ e Tesouro IPCA+ com Juros Semestrais) somaram R$ 1,01 bilhão e corresponderam a 41,17% das vendas, enquanto os títulos prefixados (Tesouro Prefixado e Tesouro Prefixado com juros semestrais) totalizaram R$ 344,80 milhões em vendas, ou 14,02% do total.

Nas recompras (resgates antecipados), predominaram os títulos indexados à taxa Selic, que somaram R$ 668,22 milhões (47,53%). Os títulos remunerados por índices de preços (Tesouro IPCA+, Tesouro IPCA+ com juros semestrais e Tesouro IGPM+ com Juros Semestrais) totalizaram R$ 458,10 milhões (32,58%), os prefixados, R$ 279,62 milhões (19,89%).

Quanto ao prazo, a maior parcela de vendas se concentrou nos títulos com vencimento entre 5 e 10 anos, que alcançaram 50,11% do total. As aplicações em títulos com vencimento acima de 10 anos representaram 14,06%, enquanto os títulos com vencimento de 1 a 5 anos corresponderam 35,84% do total.

Acesse o balanço completo do Tesouro Direto:

>> Balanço do Tesouro Direto – Julho/2021

>> Anexo com série histórica

 

Com informações do Ministério da Economia

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp