20°C
Clear sky

Praça Léo Mendanha é inaugurada no Jardim Olímpico

Novo espaço de lazer e convivência, entregue pelo prefeito Vilmar Mariano na quinta-feira (30), homenageia o ex-deputado estadual em reconhecimento ao seu trabalho pelo desenvolvimento de Aparecida

Foi num clima de emoção e festa que os moradores do Jardim Olímpico receberam o novo espaço de lazer e convivência do bairro, inaugurado no fim da tarde da quinta-feira, 30. É a Praça Liosmar Evaristo Mendanha (Léo Mendanha), fruto de uma Parceria Público Privada (PPP) entre a Prefeitura de Aparecida, através da Secretaria de Desenvolvimento Urbano (SDU), e o supermercado da região ‘Nova Jerusalém’.

O prefeito Vilmar Mariano pontuou os benefícios que a 130ª praça da cidade trará aos moradores. “Estamos cumprindo o dever que uma gestão pública tem, que é trabalhar para levar desenvolvimento e melhores condições aos moradores da cidade. Proporcionar espaços com esse, praças de convívio social, é uma forma de levar entretenimento, lazer, garantia de qualidade de vida à população”, frisou o gestor, acompanhado da primeira-dama, Sulnara Santana.

Situada na Avenida Monte Cristo com a Rua X-24, no Jardim Olímpico, a praça oferece atrativos como academia ao ar livre, playground, área de convivência, bancos de madeira, dois pergolados com bancos, pista de caminhada adaptada para pessoas com deficiência, área gramada, estacionamento e iluminação led, permitindo o uso do equipamento à noite. Tudo isso distribuídos num espaço de 2,3 mil metros quadrados.

“A comunidade local já pode curtir a nova praça, que é um ambiente propício para reunir toda a família. O playground é uma ótima opção para divertir a criançada. A academia ao ar livre e a pista de caminhada complementam a área, proporcionando melhor condicionamento físico e, consequentemente, a população tem maior qualidade de vida”, destacou o secretário da SDU, Aldivo Araújo.

O investimento foi de R$ 95 mil, sendo que 40% do total foram doados pelo proprietário do supermercado e 60% de contrapartida da Prefeitura. “Quando adquirimos nossa loja, nós nos deparamos com esse lote ao lado que servia como espaço de descarte de entulho dos moradores. […] Então procuramos a Prefeitura para fazer uma parceria e construir essa praça. Nós doamos os materiais de construção e a Prefeitura entrou com a mão-de-obra”, salientou o empresário Bruno Nunes da Silva.

O casal de aposentados Aldenora Soares, 78, e Viovano Soares, 82, comemorou a transformação do espaço. “Eu recebo essa praça com muito orgulho, estávamos precisando de um lugar bonito assim”, disse Aldenora. “Essa praça aqui veio como uma benção para nós. […] Dá para vir, sentar no banco, ficar tranquilo e descansar”, ressaltou Viovano.

Homenagem ao ex-deputado estadual Léo Mendanha

A praça recebe o nome do ex-deputado estadual Liosmar Evaristo Mendanha, popularmente conhecido como Léo Mendanha, um político aparecidense que contribuiu com o desenvolvimento da cidade. Como símbolo da homenagem, em uma das paredes da praça foi feito um mural do rosto de Léo, que morreu em 06 de abril de 2021, vítima da Covid-19. Para prestigiar as honrarias, a solenidade contou com a presença de amigos e familiares do homenageado, secretários municipais, vereadores, do deputado federal Professor Alcides, deputado estadual Max Menezes e a comunidade local.

Filho de Léo Mendanha, o ex-prefeito de Aparecida Gustavo Mendanha acompanhou as homenagens junto com sua esposa, Mayara Mendanha, e seus filhos Asafe, Luíza e Emanuel.

Danilo Mendanha, também filho do homenageado, lembrou o carinho que o pai tinha por Aparecida. “É uma homenagem merecida, para um filho de Aparecida que lutou e batalhou pela cidade. Se ele pudesse estar aqui vendo essa homenagem, estaria muito feliz com esse reconhecimento”, comentou Danilo, ao lado de sua irmã Thayze Mendanha, também filha de Léo, e da viúva do homenageado, dona Sônia.

A história registra que Léo Mendanha pode ser considerado uma espécie de pai da nova Aparecida, porque foi o mentor da ideia de trazer Maguito e o principal incentivador da carreira política de Gustavo Mendanha, desde 2008, quando foi eleito vereador ao lado de Maguito, eleito prefeito naquele mesmo ano.

Léo Mendanha morreu aos 66 anos. Ele foi servidor público municipal efetivo – exerceu a função de fiscal de renda do Município -, comerciante e produtor rural. Como agente político, Léo Mendanha foi vereador de Aparecida – 1989/1992; e secretário de Finanças – 1992/1993 – na gestão do prefeito Norberto Teixeira. São funções que deram a ele reputação e credibilidade para representar a cidade na Assembleia Legislativa de Goiás. Léo Mendanha foi deputado estadual por dois mandatos. Entre 1995 e 1999, foi líder do então governador Maguito Vilela, e reeleito deputado estadual em 1998.

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp