28°C
Overcast clouds

Procon Goiânia fiscaliza aumento no preço de materiais de construção durante a pandemia

O Procon Goiânia iniciou nesta terça-feira (25/08), a Operação “Mão na Obra”, para investigar se houve aumento elevado no preço de tijolos praticado durante a pandemia. Mais de 180 lojas do ramo de venda de material de construção serão investigadas.

Os fiscais vão verificar as notas fiscais de compra e revenda do milheiro do tijolo de janeiro até agosto. Após a notificação, as empresas terão o prazo de 5 dias úteis para apresentar documentação que justifique o aumento praticado.

Se confirmado o aumento abusivo, o empresário poderá ser autuado. Desde o começo da pandemia, o Procon fiscaliza os preços abusivos em supermercados e farmácias, aqui na capital. A Operação “Mão na Obra” foi organizada após denúncias de consumidores que notaram preços muito elevados em materiais de construção, sobretudo, no preço do tijolo.

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp