27°C
Scattered clouds

Rio: grávida morre durante tiroteio entre policiais e traficantes

Um tiroteio entre policiais militares e traficantes, no Complexo do Lins, resultou na morte de Kathlen de Oliveira Romeu, na tarde desta terça-feira (8). Ela estava grávida, foi levada para um hospital e não resistiu a um tiro. 

De acordo com a Polícia Militar (PM), os policiais da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) Lins foram atacados a tiros por criminosos na localidade conhecida como Beco da 14, tendo ocorrido confronto na ação, sendo apreendidos um carregador de fuzil, munições de calibre 9mm e drogas.

“Após cessarem os disparos, os militares encontraram uma mulher ferida e a socorreram ao Hospital Municipal Salgado Filho, no Méier, onde – infelizmente – não resistiu. O local está preservado e a perícia foi acionada”, informou, em nota, a PM.

A Delegacia de Homicídios da Capital investiga o caso. Em paralelo às investigações da Polícia Civil, a Coordenadoria de Polícia Pacificadora (CPP) vai instaurar um procedimento apuratório para averiguar as circunstâncias do fato.

Após a ocorrência, moradores da região obstruíram a Autoestrada Grajaú-Jacarepaguá e atearam fogo em objetos. A via, que liga a Tijuca a Jacarepaguá e à Barra da Tijuca, foi liberada no início da noite.

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp