20°C
Overcast clouds

SSP forma 54 profissionais em inteligência em segurança pública

“Goiás é exemplo na integração entre força e produção de conhecimentos no combate à criminalidade”, afirmou o secretário de Segurança Pública, Irapuan Costa Júnior, nesta sexta-feira (29/06), na solenidade de formatura do 7º Curso de Inteligência de Segurança Pública (CISP). No total, 54 profissionais foram capacitados.

A formação foi coordenada pela Superintendência de Inteligência Estratégica. No decorrer do curso, foram ministradas disciplinas voltadas para eixos de atuação do serviço de inteligência das forças policiais na prevenção e combate às mais diversas modalidades criminais.

Em seu discurso, o secretário Irapuan Costa Júnior ressaltou que a SSP continuará investindo cada vez mais na capacitação permanente dos órgãos de segurança. “Nossas polícias são extremamente dedicadas. Capacitá-las vai melhorar ainda mais o atendimento de cada força na prestação de serviços à comunidade”, ressaltou.

O superintendente de Inteligência Integrada da SSP, delegado Danilo Fabiano Carvalho, destacou a importância do conteúdo ministrado no curso para aumentar a eficiência das atividades de inteligência. “Um dos nossos maiores focos é unir força e conhecimentos técnicos para avançarmos em estratégias cada vez mais eficazes”, disse.

Participaram do curso profissionais de 22 instituições: Polícia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, Superintendência de Polícia Técnico-Científica (SPTC), Diretoria Geral de Administração Penitenciária (DGAP), Procon, Instituto de Identificação, Secretaria da Casa Militar, Polícia Federal, Tribunal de Justiça do Estado de Goiás, Ministério Público do Estado de Goiás, Polícia Rodoviária Federal, Tribunal Regional do Trabalho, Exército Brasileiro, Petrobrás, além de servidores do Acre, Amazonas, Maranhão, Amapá e Ceará.

Diversas autoridades participaram do evento. Entre elas, o superintendente executivo da SSP, delegado Emmanuel Henrique Balduíno; o secretário da Casa Militar, coronel Divino Alves; o comandante-geral do Corpo de Bombeiros, coronel Márcio André de Morais; a superintendente de Polícia Técnico-Científica, Rejane Barcelos; o superintendente da Academia Estadual de Segurança Pública, coronel Carlos Antônio Borges; e o diretor da Escola Superior da Polícia Civil, delegado Marcelo Aires.

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp